CafeecervejasXQ.gif
  • Mariuccia Ancona Lopez

Tradições de Páscoa,por aí

Atualizado: Mar 29


Ovos pintados, uma forte tradição tcheca, na Páscoa Foto: Jan Zallis

Enquanto nossas crianças ficam sonhando com ovos de chocolate “produzidos” por coelhos da Páscoa, em muitos países a celebração da Semana Santa segue outros passos gastronômicos.


Sim, há ovos de chocolate. Mas são coadjuvantes. Assim como eram na minha infância quando eu esperava pela data para receber a minha Scarcella, uma massa de pão doce em forma de ninho onde se “escondiam” ovos cozidos.


Ninhos de massa com ovos cozidos, a versão espanhola da Scarcella


O aroma da erva doce entranhada na massa está presente até hoje na minha memória e que reproduzo todos os anos para meus netos traz de volta um sabor muito querido da Itália da minha infância. E qual não foi minha surpresa ao encontrar, na semana da Páscoa, em Madri, confeitarias vendendo a versão espanhola da Scarcella.


Ovos de Páscoa à moda sueca: cada um recheia com o que preferir



Com outras formas de celebrar a data cristã, a Suécia também distribui como presentes, ovos. Mas de papelão, recheados com o que cada um preferir. Pode ser balinha, bolacha, chocolate ou o que você quiser, ainda que não seja comestível.



Ninhos de ovos decorados, em Split, Croácia

Já na Croácia, como no Reino Unido as casas se enfeitam com ninhos de ovos e outros simbolismos da época e, na República Tcheca, os ovos são mesmo para decoração e, assim como em muitos países, especialmente do Leste europeu.



Em primeiro plano, Mazanec, o pão doce de Páscoa, típico da República TchecaFoto: Vedula Burgová

Lindamente pintados, coloridos, compõem um cenário ideal para a Páscoa que só termina na segunda feira após o domingo da Ressureição, assim como em praticamente toda a Europa.

Aliás, decorar a casa para a Páscoa é hábito pouco difundido entre nós que nos apegamos basicamente aos ovos de chocolate para as celebrações com as crianças. Uma exceção? minha querida amiga Martha Elisabeth que tem um enorme arsenal de peças com que enfeita lindamente sua casa a cada Páscoa.


Massinhas enroladas para lembrar a corda com que Judas se enforcou. Foto Vedula Burgová

No cardápio, a República Tcheca tem tradicionalmente doces da Páscoa bastante simbólicos como o Beránek, cordeirinho de massa, que substituiu, com o passar do tempo, o carneiro assado, antes presente nos cardápios festivos, em razão de várias guerras e da escassez do animal. E assim ficou até hoje. Mas ainda tem outra massinha tradicional, o Velikonoce Jidase, na forma de uma corda, lembrando a corda com a qual Judas se enforcou.


Entre outras Páscoas em que estive viajando ainda me lembro do jantar na Sexta Feira Santa, em Dublin, em 2017, quando ainda era proibido servir bebida alcoólica naquela data e todas as prateleiras do restaurante onde estavam vinhos, destilados e aperitivos tinham sido cobertas com panos. Desde 2018 está liberado vender bebida alcoólica nesta data mas, neste 2021, o que não está disponível são os restaurantes....

Posts recentes

Ver tudo