CafeecervejasXQ.gif
  • Mariuccia Ancona Lopez

Tempo de Viajar - Algumas dicas

Atualizado: 18 de Jan de 2019

Tem mais de 60 e decidiu viajar? Aqui vão algumas dicas para começar bem sua aventura - com planejamento!

Cruzeiro fluvial - uma boa opção para multiplicar destinos e reduzir estresse (foto Avalon Waterways)

Pronto! Você decidiu que vai mesmo viajar. A vida é curta e a gente tem que aproveitar enquanto dá tempo, certo? Mas agora deu aquele frio na barriga....

Está insegura? Há muitos blogs com relatos de experiências e dicas importantes. E também existem empresas que preparam o roteiro essencial, à sua escolha, com hotéis incluídos onde fica um concierge à disposição para sua orientação.


Na hora de escolher o roteiro leve em conta


1. O tempo que você dispõe para viajar. Considere dois dias para o transporte, se for para a Europa ou Estados Unidos. Para Oriente e Austrália, considere um dia a mais.


2. Primeiro faça o roteiro dos seus sonhos e veja se cabe no seu orçamento. Não dá para fazer tudo? Veja quais são suas prioridades e, em cada uma, o que você faz questão de visitar.


3. Compre ingressos de museus, castelos, concertos e outras atrações com antecedência, antes da viagem. Garante seu lugar e ainda é mais barato.


4. Analise os deslocamentos internos. Gosta de trem? Quase todo brasileiro tem fascínio pelo transporte que não temos por aqui. E é mesmo muito bom viajar no conforto dos trilhos, olhando a paisagem pelas amplas janelas. Nesse caso, compre com antecedência os passes ferroviários. Há muitas ofertas para viagens fora dos horários de pico, em dias de semana que podem baratear – e muito! – a viagem. Estações de trem são sempre centrais e ajudam no tempo e custo de transfer para o hotel e vice-versa. Mas lembre-se de viajar com uma mala pequena, com rodinhas. Trens tem pouco espaço para acomodação para bagagem e não há ninguém para ajudar no sobe e desce dos vagões. E você não precisa mesmo de muita roupa. Com certeza. Mas de malas vamos conversar em outra ocasião.


5. Na hora de decidir o destino, leve em conta as opções de aéreo que, muitas vezes, oferecem 2 pontos, no mesmo bilhete. Por exemplo: São Paulo-Paris- Amsterdã- São Paulo. Você chega por uma cidade e volta por outra, em outro país. Ou São Paulo-Madri- Londres- São Paulo. As várias companhias aéreas oferecem esse tipo de combinação que pode ser bem vantajosa.


6. Sobre aéreas, fique esperta com algumas passagens bem baratas que aparecem em ofertas. Elas existem, sim, mas muitas vezes incluem restrições importantes. Por exemplo: não podem ser endossadas por outras companhias. O que é isso? Se você por qualquer motivo precisar trocar data ou perder um voo, não poderá embarcar em outra companhia aérea porque esse é um bilhete com restrições. Muitas vezes até no volume de bagagem permitida. É um risco que você precisa saber se quer correr ou não.


7. Pode parecer muito legal, à primeira vista, mas Europa em 22 dias visitando 8 países, não dá. Um dia para ir e outro para voltar e sua viagem fica reduzida a 20 dias Ou seja: 2 dias e meio para cada país. Nesse roteiro, check in e check out de hotéis é do que você realmente irá se lembrar. Tem pouco tempo e ainda assim quer passar por vários países? Então opte por um cruzeiro. Seja marítimo ou fluvial. Neles você terá o prazer de estar em uma semana ou dez dias, em diferentes países. Mas será somente o “aperitivo “ um primeiro contato , sem grande profundidade. Que pode ser ótimo, especialmente se você quer mesmo é boa vida, sem abre e fecha de malas, sem qualquer outra preocupação que não seja o prazer de viajar. Vamos lá?

© 2019. Mariuccia Ancona Lopez. Proibida a reprodução sem autorização da autora

  • White Facebook Icon
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now