CafeecervejasXQ.gif
  • Mariuccia Ancona Lopez

Sabor da França




Enquanto não podemos conferir pessoalmente, o jeito é ir testando por aqui mesmo as delícias dos muitos países que estão na nossa lista de desejos. E esta receita de hoje vem do Vale do Loire, a bela região francesa que visitei com olhos da juventude. Chambord, Blois, Chenonceau e outros tantos castelos e belas paisagens permanecem vivos na minha memória.


Pois foi em Lamotte-Beauvron, uma pequena localidade do Vale do Loire, em 1889, que as irmãs Stephanie e Caroline Tatin, num dia de muito movimento no hotel da família, esqueceram de colocar a massa na forma ao preparar a clássica torta de maçãs . Aflitas, teriam colocado a massa por cima das frutas.


Inverteram a ordem natural das tortas e acabaram inventando a Tarte Tatin, esta que é uma das mais famosas sobremesas da gastronomia francesa.Verdade ou lenda pouco importa porque o doce é muito bom mesmo, com maçãs enriquecidas com manteiga, açúcar , canela e massa crocante.


Aulas práticas na escola de culinária do Marina e Riviera



A receita abaixo vem do chef David Shalleck, da Oceania Cruises, companhia repetidamente premiada por sua gastronomia que pude saborear várias vezes em almoços a bordo de seus navios (Marina, Insignia e Sirena) quando estiveram no Brasil.


E mais: se você quiser copiar a receita ainda poderá compartilhar fotos dos seus resultados na postagem da receita na página do Facebook da Oceania Cruises usando a hashtag #OLifeCookingChallenge.


E tem mais: nos navios Marina e Riviera, da frota da Oceania ainda é possível aprender com chefs estrelados a cozinhar no Culinary Center,com aulas práticas, durante a navegação.


Tarte Tatin

Serve 6-8 porções

6 colheres de sopa de manteiga sem sal

6 colheres de sopa de açúcar mascavo escuro

1/4 de colher de chá de canela em pó

1/8 colher de chá de noz-moscada moída

1 1/2 colheres de chá de raspas de limão

3 maçãs vermelhas (cerca de 750g)

1 pedaço de massa folhada de 25 x 25 cm²

Creme de leite, iogurte grego ou sorvete de baunilha

Como fazer

Pré-aqueça o forno a 200ºC. Derreta a manteiga em uma frigideira grande e antiaderente em fogo muito baixo. Em uma tigela média, misture o açúcar, a canela, a noz-moscada e as raspas de limão. Coloque a manteiga na mistura de açúcar. Descasque as maçãs e divida em duas partes; depois corte cada uma em seis fatias iguais. Coloque as maçãs na tigela e misture delicadamente para cobri-las com a mistura de açúcar. A mistura de açúcar pode se aglomerar um pouco, o que é bom, pois derreterá durante o cozimento.

Disponha as fatias de maçã em uma única camada na parte inferior da frigideira( com cabo de metal para ir ao forno) e use uma espátula de borracha para que qualquer mistura residual de açúcar da tigela e espalhe sobre as maçãs. Cubra as maçãs com a massa folhada. Coloque os cantos da massa na lateral da frigideira para que as maçãs fiquem completamente escondidas. Faça pequenos furos na massa com um garfo ou ponta de uma faca. Asse por 30-35 minutos até que a massa cresça e fique marrom claro por cima.

Deixe esfriar por 10 a 15 minutos e inverta cuidadosamente em um prato. Sirva quente ou em temperatura ambiente com uma porção de creme batido (ou sorvete) ao lado.

© 2019. Mariuccia Ancona Lopez. Proibida a reprodução sem autorização da autora

  • White Facebook Icon
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now