© 2019. Mariuccia Ancona Lopez. Proibida a reprodução sem autorização da autora

  • White Facebook Icon
CafeecervejasXQ.gif
  • Mariuccia Ancona Lopez

Na Escócia, como os escoceses.

Atualizado: 5 de Abr de 2019

Parece impossível mas o haggis é ótimo!




Prato nacional da Escócia, o haggis surpreende


Toda vez que ouvi falar de haggis, o prato nacional da Escócia foi com gente fazendo caretas, horrorizados com a estranha iguaria à base de miúdos e aveia cozida dentro do estômago de carneiro.


Falando assim, parece estranho mesmo ao nosso paladar mas, como eu sou curiosa e gosto de provar novidades de cada lugar, logo no primeiro dia em Edimburgo, pedi haggis como entrada. Assim a porção seria pequena e, se não gostasse, o prejuízo seria pequeno.


Do bucho de carneio a embalagem industrial, o haggis continua sendo preferência nacional, na Escócia. E , pode acreditar, é mesmo bom


Qual não foi minha surpresa ao provar o que parecia um simples croquete, era absolutamente delicioso. O haggis tem textura de recheio de carne moída, como desses que a gente faz para torta, untuoso, mas seu sabor é único. Feito conforme a receita tradicional com fígado de carneiro misturado a aveia, cebola, noz moscada, pimenta e temperos, a excentricidade do prato fica mesmo por conta de ser cozido dentro do bucho do carneiro. Isso nos mais tradicionais porque hoje em dia o cozimento é feito dentro dos mesmo material sintético com que se prepara lingüiça. E vendido nos supermercados.


E o orgulho nacional pelo prato é tal que em 1787 o poeta Robert Burns, o bardo nacional da Escócia dedicou um poema à iguaria: Address to a Haggis. Resultado: todo 25 de janeiro, dia do nascimento de Burns, é o dia em que celebram o poeta... comendo haggis.


Bom, fato é que gostei tanto do prato que todos os dias em que estive em Edimburgo quis provar haggis : do chiquezinho e delicado ao haggis servido com purê e também o grandão, como um enorme croquete frito.

Aliás, a Escócia é o lugar das frituras. Eles fritam o que nos parece inimaginável . Barra de chocolate do tipo Mars frito? Pois tem! E, pasmem!- não é ruim. Para desespero de meu colesterol. Tem até pedaços de pizza frita, bem popular por lá. Mas essa eu não provei. Achei que seria um sacrilégio com a mais deliciosa das invenções italianas.


Mas não se assustem com as minhas experiências. Edimburgo tem muita opção culinária. De uma casa especializada só em porco ao ótimo vegano Hendersons Vegan Restaurant (25C Thistle Street) onde nós almoçamos muitíssimo bem, na cidade nova, a parte baixa de Edimburgo, onde ficam ótimas lojas de roupas, por sinal.(aos 69 anos)


This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now